O tempo que vai passando, leva-nos para outra idade.

Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2007

Hoje vim visitar-vos. Há algum tempo que não o fazia. Fiz uma pausa na procura de outras vozes. É nos silêncios que melhor ouvimos o que nos querem dizer. Nem sempre nos damos bem com as pausas e muito menos com os silêncios porque nas primeiras é como se estivéssemos inactivos e, nos segundos, é como se sentissemos desconforto.

E na sociedade em que vivemos, estes dois conceitos poderão ser quase uma afronta para pessoas que já passaram dos 50. Apesar disso, queixamo-nos de trabalhar muito ou de não termos tempo para fazer o que gostaríamos. Na verdade eu gosto de ambas as coisas, ou seja, das pausas e dos silêncios porque é quando estou mais comigo e com os outros.

Nas pausas encontro o tempo e nos silêncios encontro a vida. E a vida é como o tempo vai passando.

Hoje dou-vos o meu tempo e talvez breves instantes da minha vida.

 

publicado por outraidade às 01:08
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2007
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
23
24

25
26
27
28


Últ. comentários
A Nicotina Magazine e a Nicotina Editores estão a ...
Apenas é um espaço onde se pode encontrar almas gé...
Como leitor assíduo do teu Blog e vice-versa e de...
Obrigada. Para sim também.
Sim, concordo consigo, dá que pensar.
Talvez procuremos apenas atenção, a que não temos ...
Temos que ir mudando para não deixarmos que o mofo...
Gosto do novo look. Poético, suave e primaveril, c...
Muito sentido, ainda hoje que já passaram alguns ...

blogs SAPO


Universidade de Aveiro